Ipad logo
 
PROCURAR

marca gráfica Início arrow OPORTUNIDADES

Oportunidades PDF Imprimir E-mail

ANÚNCIO DE VAGA - IEPALA


No âmbito dos processos de institucionalização democrática e promoção do desenvolvimento em Angola, a ONG Internacional espanhola, Instituto de Estudos Políticos para Latinoamérica e África, IEPALA, está a trabalhar no Convénio financiado pela Cooperação Espanhola “Municipalismo e descentralização em Angola”, orientado a duas principais areas de intervenção: 1) apoio na descentralização e promoção das Administrações Locais 2) fortalecimento das organizações da sociedade civil.

Para tal fim pretende recrutar pessoal qualificado para os seguintes postos de trabalho:

· DIRECTOR CONVÉNIO AECID EM ANGOLA

· ADJUNTO/A DE DIRECÇÃO E RESPONSÁVEL FINANCEIRO/A DE CONVÉNIO AECID EM ANGOLA

· TÉCNICO/A MUNICIPALISMO DE CONVÉNIO AECID EM ANGOLA

· TÉCNICO/A SOCIEDADE CIVIL DE CONVÉNIO AECID EM ANGOLA

Os interessados deverão remeter os seus CVs e carta de apresentação, antes do dia 10 de Julho 2011, no correio electrónico: maria.velado@iepala.es, colocando como assunto: O titulo do respectivo posto de trabalho para o que se está a candidatar.

Win Word Anexo

Win Word Anexo

ADVOGADO FORMADOR PARA O CENTRO DE FORMAÇÃO JURÍDICA

Instituição de Acolhimento: Centro de Formação Jurídica

Agência de Financiamento:

Duração do Contrato: 1 ano, sendo os 3 primeiros meses de experiência.

Local: Timor-Leste

Prazo de candidatura: 15 dias

Data preferencial de Inicio: Julho de 2011

Tendo por enquadramento, o Plano Estratégico do Sector da Justiça para Timor-Leste, aprovado pela Resolução do Governo no. 30/2010, de 2 de Junho, e designadamente a Meta 7 - Estratégia 7.1. Desenvolver um Programa de Qualificação para os trabalhadores do sector da justiça, que potencie a sua emancipação através da aquisição dos conhecimentos e desenvolvimento das competências requeridas pelas instituições para desempenharem os seus mandatos, torna-se necessário proceder à contratação de professores e formadores que possam assegurar o ensino técnico-jurídico direcionado aos formandos que frequentam os vários cursos na área da Justiça e do Direito no Centro de Formação Jurídica.

I. Responsabilidades Gerais

O Assessor desenvolverá as funções de Advogado Formador no Centro de Formação Jurídica (CFJ) sob a supervisão do Diretor do Centro. O Assessor deverá desempenhar as funções de formador/mentor dos formandos do CFJ. Espera-se também que transfira as suas habilidades e profissionalismo e assista na introdução e consolidação de rotinas, sistemas e processos para contribuir com a efetiva aplicação do acesso à justiça.

O Assessor atuará também a acompanhar o estagio dos Advogados, quando assim lhe for solicitado, providenciando formação e/ou mentoria bem como orientação e aconselhamento aos contrapartes (Advogados) nacionais.

II. Descrição das Funções como Formador

Sob a direta supervisão do Diretor e do Chefe do Departamento de Formação Jurídica ou profissional a quem for delegada esta competência, o Assessor, enquanto Advogado Formador, desempenhará designadamente as seguintes funções:

a) Atuar como advogado formador, nas atividades letivas e práticas organizadas pelo CFJ, durante a parte teórica ou prática das formações;

b) Dar mentoria aos formandos do curso de advogados, quando solicitado;

c) Auxiliar a organizar os processos de seleção dos candidatos aos cursos de formação, quando solicitado;

d) Opinar sobre o conteúdo das disciplinas do curso de formação, quando solicitado, ou seguir as orientações tendo em conta as necessidades específicas ao nível do conhecimento linguístico e jurídico para a prática das profissões jurídico-judiciárias;

e) Preparar os planos de curso e da disciplina, em coordenação com os demais formadores do curso, a fim de promover a integração de temas jurídicos e assuntos de outras disciplinas;

f) Ministrar as aulas das disciplinas jurídicas contextualizadas na realidade do operador jurídico/judiciário timorense;

g) Promover a reflexão sobre os temas estudados, de forma a desenvolver o raciocínio lógico/dedutivo dos formandos em matéria jurídica;

h) Apoiar a planificação, organização e gestão do curso respectivo;

i) Assegurar registos dos diferentes aspectos relacionados com as atividades lectivas, nomeadamente, sumários das aulas, cumprimento/não cumprimento do plano da aula; objectivos atingidos, etc.;

j) Preparar avaliações, de acordo com os critérios qualitativos e quantitativos aplicáveis;

k) Apresentar um relatórios trimestrais de avaliação dos formandos, nomeadamente em relação a sua assiduidade, pontualidade e desempenho dos mesmos, se para outro prazo não for solicitado;

l) Colaborar na preparação de testes de outras disciplinas, tendo em vista assegurar a adequação das questões jurídicas em todas as atividades realizadas formandos;

m) Apoiar os formandos nas atividades de pesquisa e estudo;

n) Colaborar noutras atividades, sempre que solicitado pela coordenação do CFJ;

o) Desenvolver relações de trabalho efetivas com os dirigentes, funcionários e assessores do Centro de Formação Jurídica.

III. Competências:

· Experiência prática e conhecimento geral da área criminal e civil, inclusive em relação a crianças, família, direito constitucional, administrativo e eleitoral;

· Conhecimentos da atuação e rotinas do advogado;

· Experiência em formação jurídica formal ou em exercício.

· Aconselhamento em exercício, formação e/ou mentoria a uma ou várias contrapartes nacionais conforme pré-definido – mas considerando a atribuição de um mínimo de uma contraparte nacional.

· Promover em conjunto com os parceiros do sistema judicial, a confiança e o conhecimento por parte do público do sistema judicial.

2- Requisitos de atitude e comportamentos a serem desenvolvidos

Atitudes desejáveis e comportamentos a serem desenvolvidos nas contrapartes timorenses através da interação com o Assessor:

· Autonomia, honestidade, capacidade para trabalhar independentemente de supervisão constante, capacidade de gerir casos de forma independente, com ética e dignidade pela profissão;

· Dignidade profissional e ética;

· Discrição na vida pública e privada, agindo com dignidade prestigiando a profissão de Advogado;

· Cordialidade e respeito;

· Agir sem discriminação por motivo do sexo, raça, religião, origem, incapacidade, idade, orientação sexual, estatuto socioeconómico, etc.

IV. Experiencias e Habilidades exigidas

· Licenciatura em direito. Mestrado ou graduação equivalente.

· Ter o mínimo de 5 anos de experiência relevante como advogado em um país do sistema jurídico civilista

· Experiência nas áreas cível e criminal

· Conhecimento e experiência dos padrões internacionais de direitos humanos

· Forte experiência de ensino ou formação preferencialmente em universidades, em cursos preparatórios para advocacia ou equivalentes

· Capacidade para transferir conhecimentos e habilidades;

· Capacidade para trabalhar em equipa e comunicar efetivamente com colegas com diferentes backgrounds.

· Experiencia de trabalho num país em vias de desenvolvimento e/ou em ambiente de conflito ou pós conflito;

VI. Outras qualificações e habilidades desejáveis:

· Entusiasmo e compromisso pessoal no processo de aumento das capacidades e conhecimento do staff nacional através de qualquer método, aconselhamento técnico, mentoria ou formação em exercício;

· Transferência de experiências na coordenação de seminários, desenvolvimento de sumários, ou publicações jurídicas;

· Nível elevado de confidencialidade e probidade;

· Conhecimento do Sistema Jurídico e Judicial em Timor-Leste;

· Forte capacidade de comunicação;

· Capacidade de criar e manter contactos e cooperação com interlocutores externos e de trabalhar sob pressão

· Disponibilidade para trabalhar longas horas

· Conhecimentos informáticos relevantes

· Disponibilidade para trabalhar sem supervisão.

V. Línguas

· Exigido domínio da Língua Portuguesa,

· Domínio do Inglês e do Tétum como língua de trabalho, altamente desejado.

CANDIDATURAS:

Envio de CV para carla.vendinha@undp.org até ao dia 8 de Julho de 2011

 

A FEC convida à apresentação de candidaturas para provimento de sete vagas para o programa da FEC na Guiné Bissau 2011/2012:

- Coordenador(a) de Programa da FEC na Guiné-Bissau (ver Termo de Referência) com formação superior em Gestão, Economia, Ciências Sociais e Humanas ou experiência comprovada em funções similares.

- Coordenador(a) para a área da Educação (ver Termo de Referência) com formação superior ou pós-graduada na área da educação/formação de adultos, preferencialmente em língua portuguesa.

- Coordenador(a) de Comunicação (ver Termo de Referência) com experiência relevante de trabalho na rádio e em Países em Vias de Desenvolvimento, em especial em Países Africanos Lusófonos.

- Ponto Focal para Gestão e Administração Escolar (ver Termo de Referência) com formação e experiência de trabalho no sector da educação e da formação.

- Supervisor(a) Pedagógico(a) Regional (ver Termo de Referência) com formação superior ou pós-graduada na área da educação/formação de adultos, preferencialmente em língua portuguesa.

- Técnico de Diagnóstico e Avaliação (ver Termo de Referência) com formação na área das ciências sociais ou gestão e experiência em gestão e avaliação de projectos.

- Capacitador(a) de Jardins de Infância (ver Termo de Referência) com formação na área educativa, com experiência de trabalho no sector da educação de infância e da formação.

Por favor, enviar respostas e Curriculum Vitae para etelvina.cardeira@fecongd.org até ao dia 17 de Junho, indicando a posição para que se candidata no assunto do e-mail. O CV deverá ser acompanhado de uma carta de motivação e da indicação de duas pessoas de referência e o seu contacto. Em caso de dúvida contactar Etelvina Cardeira em 21 886 17 10.

Concursos Gerais – Linguistas e no domínio da Comunicação

As candidaturas a estas vagas, cujos Avisos se encontram em Anexo, deverão ser encaminhadas para o endereço indicado nos Avisos, até 21 e 28 de Junho de 2011.

Mais informações sobre recrutamento para as Instituições Comunitárias estão disponíveis nos seguintes endereços:

www.mne.gov.pt

www.reper-portugal.be

Acrobat Reader Anexo

Acrobat Reader Anexo

3 vagas para Programa de Acesso à Justiça – Fundação Ásia (Timor-Leste).

Prazo de candidatura: 10 de Junho.

Para mais informações, contactar Joaquina da Fonseca:
The Asia Foundation
3313457, Rua de Nu Laran No 20, Bairro dos Grillos
Díli, Timor-Leste
E-mail: jfonseca@asiafound.org
Tel: +670 7230917

Acrobat Reader Anexo

Vagas para Projecto de Cooperação no sector Educação - candidaturas até 7 de Junho

Vagas para Ministério dos Negócios Estrangeiros de Timor-Leste. Prazo de candidatura: 13 de Junho

Programa de Voluntários das Nações Unidas (UNV) – Population and Development Officer para Angola. Prazo de recepção de candidaturas: 17 de Maio

Os candidatos que ainda não figurem na base de dados do Programa podem faze-lo em http://one.unv.org, se já está registado retire o seu perfil em http://myprofile.unv.org e envie-o, juntamente com o seu número por email para volvacancy@unvolunteers.org , escrevendo o código – 11 ANG_POP – no assunto da mensagem.

Vaga para assessoria informática – Procuradoria-Geral de Timor-Leste / PNUD. Prazo de candidatura: 25 de Maio

Vaga para assessoria jurídica – Ministério da Solidariedade Social em Timor-Leste. Prazo de candidatura: 20 de Maio

Encontra-se disponível uma vaga para assessoria jurídica ao Ministério da Solidariedade Social de Timor-Leste, com vista a contribuir para a elaboração do plano e a calendarização do trabalho da Unidade Jurídica do Ministério. Os termos de referência encontram-se em anexo.

Vaga para assessoria em protecção social – Programa Conjunto de Apoio à Igualdade de Género e Direitos das Mulheres em Timor-Leste (Nações Unidas). Prazo de candidatura: 16 de Maio

Encontra-se disponível uma vaga para assessoria em protecção social no âmbito do Programa Conjunto de Apoio à Igualdade de Género e Direitos das Mulheres em Timor-Leste (PNUD, FNUAP, UNICEF, UNIFEM e OIM). Os termos de referência encontram-se em anexo.

Ficheiro em pdf Anexo - 36KB

Vaga assessoria jurídica – Presidência da República de Timor-Leste. Prazo de candidatura: 27 de Abril

Encontra-se disponível uma vaga para assessoria jurídica à Presidência da República de Timor-Leste. Os termos de referência encontram-se em anexo.

Ficheiro em pdf Anexo - 91KB

CONCURSO PARA BOLSAS PÓS-DOUTORAIS EM DOENÇAS TROPICAIS NEGLIGENCIADAS

Na sequência da iniciativa conjunta entre e a Fundação Calouste Gulbenkian, Volkswagen Stiftung, Fondation Merieux , Nuffield Foundation e Fondazione Cariplo, lançada em 2008, foi aberto este ano um novo Concurso para Bolsas Pós-Doutorais na área das Doenças Tropicais Negligenciadas.
Este Concurso destina-se a investigadores africanos (com doutoramento ou em vias de o obter até Março de 2012) interessados em desenvolver projectos em centros de investigação africanos, nas áreas do diagnóstico, tratamento, controlo e prevenção de Doenças Tropicais Negligenciadas.
O prazo para candidaturas terminará no próximo dia 30 de Junho de 2011.
Informação completa sobre este Programa - condições de elegibilidade e de submissão de candidaturas - pode ser encontrada no site da iniciativa em< ahref="http://www.ntd-africa.net"> http://www.ntd-africa.net e no documento anexo.

Ficheiro em pdf Third Call for Proposals - 78KB

Ficheiro em pdf Programa de Bolsas - 178KB

Vagas para Técnicos Serviço Social - Ministério das Solidariedade Social de Timor-leste

O Ministério da Solidariedade Social de Timor-leste solicita a divulgação de duas vagas para Assistência Técnica Internacional para Operacionalização e Coordenação dos Serviços de Atendimento Social Básico e Especializado a nível regional. Os termos de referência encontram-se em anexo.

Ficheiro em pdf Anexo - Termo de Referência- 50KB

Cooperação Australiana: - Programa de cooperação com Cabo Verde, Guiné-Bissau e São Tomé e Príncipe

Programa ”Australia Africa Community Grants Scheme” – candidaturas até 19 de Janeiro de 2011 para:
e.mail: eurico.nobre@dfat.gov.au
e CC: austemb.lisbon@dfat.gov.au
por correio:
Embaixada da Austrália em Lisboa
Av. da Liberdade Nº 198-200 - 2º
1250-147 Lisboa
Qualquer esclarecimento será prestado pelo Dr. Eurico Nobre (213101500)

ROTEIRO 3456 - PRÉMIO "JORNALISTAS PELA IGUALDADE, SAÚDE, CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO

Ficheiro em pdf Regulamento- 349KB

Ficheiro em pdf Ficha de Candidatura - 265KB

Para consulta do regulamento, ficha de candidatura e mais informações:
www.apf.pt
www.jornalistas.online.pt
www.causas.net

Abertura concurso atribuição bolsas estágios curta duração para Profissionais Saúde dos PALOP e Timor Leste

Ficheiro em pdf Anexo - 117KB

Oportunidades OCDE

Economics/Policy Analysis

Policy advisors
Reference: 3797
Directorate: Development Centre
Closing date: 02/02/2011

OECD Recruitment Team
recruitment@oecd.org

27º Curso de Formação Geral para o Voluntariado - ISU

Ficheiro em pdf Anexo 383 Kb

Vagas na Fundação Evangelização e Culturas (FEC)

Gestor Executivo Direcção Nacional Terras, Propriedades e Serviços Cadastrais – Timor-Leste

Ficheiro em pdf Anexo 228 Kb

CooperaçãoInternacional e Desenvolvimento/Acção Humanitária –(pós graduações conducentes a mestrado)

Win Word Divulgação Lisboa

 

Cooperação Australiana: - Programa de cooperação com Cabo Verde, Guiné-Bissau e São Tomé e Príncipe

Programa ”Australia Africa Community Grants Scheme” – candidaturas até 19 de Janeiro de 2011 para:

e.mail: eurico.nobre@dfat.gov.au
e CC: austemb.lisbon@dfat.gov.au

por correio:

Embaixada da Austrália em Lisboa
Av. da Liberdade Nº 198-200 - 2º
1250-147 Lisboa

Qualquer esclarecimento será prestado pelo Dr. Eurico Nobre (213101500)


13ª Edição Prémio Fundação Mário Soares 2011

 

Vaga para o Departamento Internacional da Fundação AMI

Convite à apresentação de Projectos emblemáticos no âmbito do Ano Europeu do Voluntariado em 2011

 

Centro para Desenvolvimento e Parcerias de Angola (CDPA) – vaga Director executivo

Vaga na Direcção Geral Alargamento - Conselheiro Principal


Analista de politicas de paz e segurança - OCDE(CAD – Comité de Ajuda ao Desenvolvimento)

Convites à apresentação de propostas para subvenções e anúncios de concursos para serviços, obras e fornecimentos – Comissão Europeia

Consulte as oportunidades de financiamento (convites à apresentação de propostas para subvenções e anúncios de concursos para serviços, obras e fornecimentos) no âmbito da Cooperação para o desenvolvimento da Comissão Europeia, em:

http://ec.europa.eu/europeaid/work/funding/index_pt.htm

ToR Assistente Projecto para Escola Agrária de Bilibiza – Fundação Aga Khan Moçambique


Termos de referência Director Regional do Programa Fundação Aga Khan – Moçambique

Texto em Acrobat Reader /> 
    89 kb</a><a href=Civic Education Consultant TOR 35 kb

Apelo à apresentação de Manifestações de interesse para o CDE - Centro de Desenvolvimento Empresarial

Outras Vagas. [ver mais...]



marca gráfica topo da página marca gráfica
Este site está optimizado para Internet Explorer 5.5 com resolução 1024 por 768. Design by MaisDesign, Developed by Preito.com